Durante Sessão On-Line desta quinta-feira (26), a deputada estadual e presidente da Comissão de Saúde e Previdência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Mayara Pinheiro (PP), reforçou a importância dos recursos do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI), para o enfrentamento do Covid-19. “Esse recurso é vital para fortalecer o combate ao novo coronavírus, nos 61 municípios do interior. Até a primeira semana de abril, segundo a Secretaria Estadual de Fazenda, a primeira parcela deve ser paga. O que sem dúvida é uma excelente notícia neste momento”, explicou. Ainda de acordo com a parlamentar, a comissão segue fazendo o acompanhamento de como o dinheiro do FTI está sendo utilizado por cada prefeitura, obrigadas, conforme a Lei, a prestar contas. Lembrando que em 2019 foram disponibilizados ao interior do estado R$87,5 milhões, utilizados na compra de equipamentos e infraestrutura de unidades hospitalares. Dra. Mayara também falou sobre o pedido aceito pelo Governo do Estado, para a compra dos testes rápidos de contaminação por coronavírus, para disponibilização nas unidades assistenciais do Estado. O prazo para entrega dos 30 mil produtos aqui na capital é de 10 dias

DESTAQUE POLÍTICA

Durante Sessão On-Line desta quinta-feira (26), a deputada estadual e presidente da Comissão de Saúde e Previdência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Mayara Pinheiro (PP), reforçou a importância dos recursos do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI), para o enfrentamento do Covid-19.

“Esse recurso é vital para fortalecer o combate ao novo coronavírus, nos 61 municípios do interior. Até a primeira semana de abril, segundo a Secretaria Estadual de Fazenda, a primeira parcela deve ser paga. O que sem dúvida é uma excelente notícia neste momento”, explicou.

Ainda de acordo com a parlamentar, a comissão segue fazendo o acompanhamento de como o dinheiro do FTI está sendo utilizado por cada prefeitura, obrigadas, conforme a Lei, a prestar contas. Lembrando que em 2019 foram disponibilizados ao interior do estado R$87,5 milhões, utilizados na compra de equipamentos e infraestrutura de unidades hospitalares.

Dra. Mayara também falou sobre o pedido aceito pelo Governo do Estado, para a compra dos testes rápidos de contaminação por coronavírus, para disponibilização nas unidades assistenciais do Estado. O prazo para entrega dos 30 mil produtos aqui na capital é de 10 dias.

Related posts

Leave a Comment