Lives estimulam o hábito da leitura durante o isolamento social

AMAZONAS DESTAQUE
UniNorte realiza uma série de transmissões sobre a importância da leitura em tempos de pandemia

Que ler faz bem, todo mundo sabe. Além de estimular a inteligência, a criatividade e o senso crítico, o hábito da leitura também é um exercício para o cérebro, aumentando as conexões neurais e fazendo a nossa mente funcionar melhor. Com a pandemia do novo coronavírus, a leitura pode ser um refúgio e um momento de relaxamento para quem está em situação de isolamento social.

Para falar do papel da literatura durante a quarentena, a UniNorte – Centro Universitário do Norte lançou o Projeto Ser Leitor, que consiste em uma série de lives sobre a prática da leitura. As palestras ocorrem nos dias 13, 14, 15, 19 e 22 de maio, no perfil da Instituição no Instagram (@uninortemanaus).



As conversas serão coordenadas por professores da Instituição com a participação de convidados especialistas em Educação, Linguagem e áreas afins. Uma das coordenadoras do projeto, a professora do curso de Letras da UniNorte, Dorotea Costa, explica o propósito da ação. “O Ser Leitor nasceu com a responsabilidade de incentivar, promover e possibilitar ao aluno-leitor, em isolamento social, uma interação com as diferentes literaturas a partir de ambientes virtuais”, diz.
A professora ressalta que o conteúdo das lives ajudará na formação de todo cidadão-leitor, uma vez que possibilitará a aquisição de conhecimento e condução dos leitores para novas realidades.
Concurso
Além das lives, o projeto Ser Leitor promove um concurso de fotografia com a temática “Ser leitor em tempos de pandemia”. Para participar, basta submeter uma foto, entre os dias 18 e 22 de maio, sinalizando nome e qual a motivação para a foto. As inscrições podem ser feitas nos e-mails dorotea.costa@uninorte.com.brraimundo.santos@uninorte.com.br e wenderson.silva@uninorte.com.br. Os vencedores ganharão horas de atividades complementares e certificado de participação.
Confira a programação:
13/5 – 19h – “A literatura como interpretação da realidade em tempos de pandemia”, com professor Cícero Ferreira de Aquino Junior e mestre em Letras Daniela Branquinho;
14/5 – 16h – “Trabalhando atividades de leitura em época de quarentena”, com professores Marta Rodrigues e Wenderson Cruz;
15/5 – 19h – “Gráficos exponenciais: eu sou leitor?”, com professores Raimundo Nonato dos Santos e Felipe da Costa Negrão;
19/5 – 19h – “Isolamento social, não: eu sou leitor!”, com professores Ecila Mabelini e Sérgio Freire;

22/5 – 19h – “Da gripe espanhola a Covid-19: ser leitor faz diferença em tempos de isolamento social?”, com professora Sarah Araújo e pesquisadora Rossineide de Melo Gama.

Related posts

Leave a Comment