Seap viabiliza teleconsultas com especialistas para internos do Compaj

AMAZONAS DESTAQUE

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), em conjunto com a empresa cogestora Reviver Administração Prisional Privada, está viabilizando teleconsultas com médicos especialistas para os internos do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), localizado no Km 08, da BR-174 (Manaus-Boa Vista). As teleconsultas serão viabilizadas por meio de plataforma virtual do Núcleo de Telessaúde da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

As teleconsultas são direcionadas aos internos, cujo caso clínico necessite de avaliação especializada. O clínico geral que atua na unidade prisional é quem faz o primeiro atendimento e determina se é preciso diagnóstico de um especialista. Após essa avaliação, ele entra em contato com o profissional requisitado por videoconferência ou por e-mail para que seja realizada a consulta e sua elucidação diagnóstica.

Se o médico especialista sugerir a realização de exames complementares, o médico clínico faz a solicitação e a equipe de enfermagem da unidade solicita via Sistema de Regulação (SisREG). Nos casos que exigem consulta presencial com o especialista, é feito o encaminhamento e aguardada marcação pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com o diretor do Compaj, Lucas Maceda, o sistema adotado foi uma das soluções encontradas pela Seap para acrescentar e melhorar o atendimento clínico ofertado aos internos, principalmente durante a pandemia do novo coronavírus. “Há uma grande demanda de solicitações de exames complementares e avaliações médicas especializadas no sistema penitenciário. Para que os serviços na área da saúde não parassem por completo, no Compaj, foi solicitada pela equipe médica a implantação da ferramenta na unidade”, explicou Maceda.

O Compaj é a primeira unidade prisional a aderir ao sistema de teleconsultas on-line. A Seap já estuda a possibilidade de aplicar a ferramenta nas demais unidades da capital do Amazonas e do interior.

Além de o Núcleo de Telessaúde Amazonas prestar consultoria básica e atenção secundária aos profissionais de saúde por meio da tecnologia, de modo a otimizar e encurtar o tempo de tratamento e reavaliações do interno paciente, a plataforma também disponibiliza serviços de teleducação, como conferências, aulas e cursos para a equipe.

Related posts

Leave a Comment