Especialistas debatem efeitos da pandemia nos biomas brasileiros

DESTAQUE MANAUS
Para falar dos impactos da pandemia nos biomas brasileiros e as perspectivas para o meio ambiente no mundo pós-coronavírus, a UniNorte e a UNINASSAU promovem, no dia 5 de junho, o debate “Discutindo Biomas: Amazônia, Caatinga, Mata Atlântica e Manguezal”. O evento será on-line, a partir das 19h, e as inscrições podem ser feitas pelo site extensao.uninassau.edu.br.
A palestra faz parte da programação da Semana do Meio Ambiente, comemorada na primeira semana de junho. Para compor o debate, as Instituições convocaram um time de pesquisadores e especialistas, que falarão do estado atual dos biomas brasileiros.
“Esperamos uma rica discussão em formato de bate-papo, uma vez que conseguimos reunir profissionais e membros de entidades representativas de diversos biomas, que poderão nos atualizar sobre como está a situação destes ambientes no cenário atual”, afirma o coordenador de Pesquisa e Extensão da UNINASSAU Recife, Thiago Araújo.



Para a coordenadora do curso de Ciências Biológicas da UniNorte, Amanda Shirleia, o evento será uma importante contribuição no debate sobre preservação, conservação, restauração e impactos do isolamento social nos ecossistemas. “Foi pensando nas mudanças trazidas pela pandemia e o que elas representam para o futuro dos biomas que organizamos esse evento. Será uma oportunidade única de refletir sobre a situação dos nossos ecossistemas e o que pode ser feito para garantir a defesa deles”, argumenta a docente.

A palestra contará com a participação da vice-coordenadora do Comitê Estadual da Biosfera da Caatinga, Ednilza Maranhão do Santos; do diretor-presidente do Instituto BiomaBrasil, Clemente Coelho Jr; do diretor-presidente do Centro de Pesquisas Ambientais do Nordeste, Severino Ribeiro Pinto; do doutorando em Ecologia, André Lima de Barros; da pesquisadora do Grupo de Pesquisa GEPECEF-UEA, Priscila Dessimone Morhy; e do mestre em Biologia e especialista em Ecologia de Aves e Levantamento de Fauna, Obed Garcia de Barros.

Related posts

Leave a Comment